Saída de Salah do Liverpool pode ser uma das maiores transferências da história

Saída de Salah do Liverpool pode ser uma das maiores transferências da história
Compartilhe

Mohamed Salah está cada vez mais próximo de sair do Liverpool. O interesse acentuado do futebol árabe pelo atacante, e a saída de Jürgen Klopp do clube inglês, estariam fazendo o egípcio considerar mudar de clube a partir do meio deste ano. Em 2023, o jogador recebeu uma oferta de 200 milhões de libras (mais de R$ 1,3 bilhão de reais) vinda do Al-Ittihad, e tudo indica que alguns clubes da Saudi Pro League também o procurem, tornando-o a maior transferência da história do futebol.

Com pouco mais de um ano de contrato a cumprir no Liverpool, a diretoria do clube inglês ainda não renovou com Salah. Se mais uma proposta milionária chegar pelo jogador, dificilmente será possível segurá-lo. Caso seja refeita a oferta de 200 milhões de libras pelo egípcio, o valor já ultrapassaria o dinheiro investido pelo PSG por Neymar, maior transferência da história do futebol até o momento. O clube parisiense gastou 222 milhões de euros na contratação do brasileiro. 

Ex-Liverpool considera que este é o momento certo do egípcio sair

Jose Enrique, ex-lateral-esquerdo do Liverpool, considera que este é o melhor momento para que Salah saia do clube. Além de dar uma nova perspectiva a sua carreira, o dinheiro da transação pode fazer com que o clube inglês consiga montar um time ainda mais competitivo a partir de junho. O espanhol concedeu entrevista ao  Grosvenor Sport, e acredita que as mudanças que vão acontecer na equipe partir da próxima temporada são o cenário perfeito para que o craque egípcio busque algo novo para sua trajetória profissional.

— Jurgen Klopp está saindo, então é o momento perfeito para Salah ir. Há um novo ciclo acontecendo no Liverpool e muitas mudanças, então é perfeito para ele. Este provavelmente será o último grande contrato de sua carreira, então acho que ele partirá para a Arábia Saudita — disse Jose Enrique.

Por que Salah pode se tornar a transferência mais cara do futebol?

  • Em janeiro deste ano, o craque egípcio recebeu uma proposta no valor de 200 milhões de libras (mais de R$ 1,3 bilhão de reais) do Al-Ittihad da Arábia Saudita;
  • Com a recusa do Liverpool na primeira tentativa, o valor oferecido pelo jogador deve ser ainda maior ao final desta temporada, superando o dinheiro investido pelo PSG na contratação de Neymar, que pagou 222 milhões de euros pelo brasileiro;
  • Somente os 200 milhões de libras seriam necessários para que a compra de Salah se tornasse a mais cara da história do futebol, porém, com a recusa da primeira negociação, o valor vindo da Arábia deve ser ainda maior;
  • Por conta da saída de Jürgen Klopp ao final da temporada, Salah também não deve renovar seu vínculo com o Liverpool e seu destino para o segundo semestre deste ano deve ser o futebol árabe;

As cinco transferências mais caras do futebol mundial até o momento

  1. Neymar (Barcelona ao PSG em 2017)- 222 milhões de euros;
  2. Mbappé (Mônaco ao PSG em 2017) – 180 milhões de euros;
  3. Dembelé (Borussia Dortmund ao Barcelona em 2017) – 140 milhões de euros;
  4. Philipe Coutinho (Liverpool ao Barcelona em 2018) – 135 milhões de euros;
  5. João Félix (Benfica ao Atlético de Madrid em 2019) – 127,2 milhões de euros;

 

Fonte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *